O Dr. Passos Coelho equacionou Anunciar que atingiremos a Convergência real em 2055

PassosCrescemos50%maisDiário Económico, 9 de junho de 2015

O Dr. Passos Coelho estudou a hipótese de anunciar que o nosso Produto Interno Bruto (PIB) por habitante atingiria a média  da União Europeia por volta de 2055.  Alcançaremos então a «convergência real», que nos foi prometida quando entrámos para o Euro.  A «convergência real» é a igualdade dos níveis de vida, que é em geral medida comparando os PIBs por habitante. Aquela estimativa é válida considerando que  o nosso PIB por habitante é dois terços do da UE e que se manterão as últimas taxas de crescimento do PIB: a nossa economia cresce 1,5% e da UE cresce 1% ao ano.

Depois de equacionar a questão, o Sr. Primeiro ministro optou por outra  revelação: a nossa economia cresce 50% mais do que a da UE. Ambos os ratios são exatos, mas não escapa ao leitor que é diferente o sentido de cada um deles.

Talvez o Dr. Coelho se tenha inspirado numa velha anedota da Guerra Fria: dois automóveis, um dos Estados Unidos e outro soviético, correram no circuito de Indianapolis. O americano chegou à frente, o que a imprensa ocidental noticiou. O jornal soviético preferiu titular: «Carro soviético em segundo lugar, carro americano penúltimo». Ambos os títulos eram exatos mas de diferente sentido.  O leitor já identificou a surpreendente fonte de inspiração do Sr. Primeiro Ministro.

Os comentários estão fechados.